Periodontia integrada a 
Implantodontia
Cirurgia Plásticas Periodontais 











O sorriso é uma das caraterísticas mais marcantes de uma pessoa. Ele é responsável pelo aumento da autoestima e diz muito sobre a saúde bucal. No entanto, quando está "fora de compasso", pode se tornar sinônimo de vergonha e constrangimento para muitos. É o caso do sorriso gengival, no qual o lábio superior fica mais elevado mostrando grande parte da gengiva.

A chamada estética vermelha, composta pela parte gengival do sorriso, deve ter algumas características para ser considerada harmônica.

Aspectos como cor, textura da gengiva, contorno e formato devem ser minuciosamente analisados, pois podem interferir diretamente na estética dental. Com os procedimentos da cirurgia plástica podemos tornar esses aspectos mais atraentes para o sorriso. Além disso, os procedimentos plásticos também permitem corrigir defeitos como áreas com raízes de dentes expostas e melhorar o aspecto do sorriso gengival.

O sorriso gengival é uma exposição exagerada da gengiva. Mais presente em mulheres, o sorriso gengival causa uma “desordem estética” por não trazer equilíbrio entre dentes, gengiva e boca. Essa exposição da gengiva pode ser identificada quando a gengiva, ao sorrir, fica “maior” que 4 milímetros. Ela é causada por vários fatores, dentre os mais comuns estão: problemas musculares, esqueléticos ou gengivais. Existem alguns tratamentos que podem corrigir esse problema estético e trazer harmonia ao sorriso.  A gengivoplastia, por exemplo, remove o excesso do tecido da gengiva. Esse procedimento envolve a periodontia e é realizada no próprio consultório. O dentista descola suavemente a gengiva e assim expõe mais os dentes.  A anestesia usada é local e a cicatrização leva de uma a duas semanas. Depois disso, é recomendado o suporte a cada três meses. Essa cirurgia leva muitos pacientes a aumentarem sua autoestima. Eles até conseguem se relacionar mais com as pessoas, pois ficam mais confiantes com o um resultado harmônico e natural.